5 às 5as – Livros de Gabo
por Patricia
em 07/03/13

3367-read-a-book-500-337_large

Ontem foi aniversário de Gabriel Garcia Márquez e, para comemorar, indicamos cinco livros dele para conhecer suas belas histórias de fantasia e cabeças avoadas.

1 – Cem anos de solidão – nem sei em quantas listas esse livro já entrou mas nunca me cansaria de recomendá-lo. O livro nos conta a história da família Buendía na cidade de Macondo. Acompanhamos gerações e gerações de personagens de nomes iguais passarem por guerra, pobreza e isolamento extremo. Com esse livro, Gabo alcançou o que poucos autores latinos conseguiram: vender 30 milhões de livros no mundo. O livro já foi considerado uma das mais importantes obras latinas de todos os tempos e serve como metáfora para a história da América Latina que chegou ao mundo usada, isolada e, digamos, cheia de problemas. Mas não menos linda.

2 – O amor nos tempos de cólera – outro clássico do Gabo. Uma história de amor lindamente contada que persiste por quase 54 anos no lema clássico de que “o amor supera tudo”. Mas não espere um romance adocicado e cheio de Nicholas Sparks. Gabo nos envolve na história de duas pessoas destinadas a estarem juntas mas que não deixam o destino agir totalmente. Florentino Ariza é um dos personagens mais apaixonantes e estranhos da literatura latina.

3 – Viver para contar – uma quase biografia. Gabo nos conta momentos importantes de sua vida de sua maneira “real pero no mucho” colocando na sua vida toda a imaginação que o transformou nesse autor tão celebrado. Esse livro é uma biblioteca de obras latinas para quem se interessa pelo assunto e, pessoalmente, já saí caçando alguns dos livros que ele menciona aqui. Gosto muito de saber quem o influenciou, quem ele admira e etc. Isso nos mostra um pouco mais da personalidade de Gabo.

4 – Eu não vim fazer um discurso – e falando em saber mais sobre a personalidade, que tal ler discursos que Gabo fez sem utilizar qualquer personagem? Nesse livro, estão reunidos alguns discursos que Gabo fez em lugares diversos e mais uma vez, abre uma janelinha a mais para quem é esse homem tão cheio de fantasias e de escrita poética. É uma leitura divertida para quem gosta de biografias e de conhecer mais sobre a vida por trás dos livros.

5 – Memórias de minhas putas tristes – Deixe para Gabo colocar esse palavrão no título do livro e não soar ofensivo. Aqui temos um velho cronista que está prestes a fazer 90 anos e decide que quer de presente de aniversário uma noite com uma virgem. Isso poderia soar terrivelmente nojento se Gabo não criasse personagens tão excelentes. Ele se apaixona pela jovem ao vê-la dormindo e nos leva a passear por memórias dos últimos 90 anos de uma vida muito bem vivida. É um belo livro que celebra a velhice de uma maneira simples e bem contada.

Postado em: 5 às 5ªs

Nenhum comentário em “5 às 5as – Livros de Gabo”


 

Comentar