Arquivo da categoria 'Resenhas'



Resenha – Punk
por Bruno Lisboa
em 09/01/19

Nota: Acompanhar (e registrar) in loco algum acontecimento histórico é exercício dos mais perigosos, pois a falta de distanciamento do objeto de análise, por vezes, faz com que as ponderações (na pior das hipóteses) soem vazias/sem a abrangência. Mas nem sempre esta máxima se faz valer. Prova disso é o histórico Punk, de Antônio Bivar. Nascido em
Postado em: Resenhas
Tags: , , ,

Resenha – Afetos
por Juliana Costa Cunha
em 07/01/19

Nota: Fernando Rocha é paulistano, nascido em 81. Fotógrafo amador, graduado em letras e professor de inglês na rede municipal de São Paulo. As crônicas publicadas neste livro, são fruto de seus escritos nas redes sociais. É possível acompanhar essas publicações no facebook – /fernando.umcaracomum. Afetos é dividido em 5 partes – Os dentes de
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – O novo iluminismo
por Bruno Lisboa
em 28/12/18

Nota: É possível ser otimista nos dias atuais? A resposta pode parecer óbvia. Ainda mais se observamos os noticiários ao nosso redor que, diariamente, persistem em trazer o que há de mal ocorrendo ao nosso redor e de forma, aparentemente, irrefreável. Mas e se alguém tentasse te dizer o contrário, que estamos por viver nossos
Postado em: Resenhas
Tags: ,

Resenha – O assassinato do comendador – vol. 1
por Ragner
em 27/12/18

Nota: Como prometido, eis mais um livro de Haruki Murakami. O autor conseguiu me interessar mais ainda e, além de deixar claro que já quero ler a continuação desse (que deverá aparecer por aqui) para o próximo ano, acredito que o autor ganhará mais volumes lidos em minha biblioteca. A escrita é boa, suas histórias
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Sobrevivendo no inferno
por Bruno Lisboa
em 26/12/18

Nota: A década de 90, para a música nacional, é geralmente lembrada por ser o período em que a mistura de gêneros atingiu o seu ápice. São desta época, por exemplo, discos essenciais como Usuário (Planet Hemp), Calango (Skank) e Afrociberdelia (Chico Science) que cada um a sua maneira souberam levar o rock nacional à novos patamares. Mas
Postado em: Resenhas
Tags: , , ,

Resenha – Celular
por Ragner
em 25/12/18

Nota: Antes que o ano termine, vamos de mais uma obra do mestre Stephen King. Com um livro que evidencia, mais uma vez, como situações além da nossa compreensão podem ser imaginadas em nosso mundo. Situações que, a priori, parecem totalmente absurdas, mas que, nas mãos de King, acabam estranhamente/aterrorizantemente passíveis de acontecerem. O sobrenatural,
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Amada
por Bruno Lisboa
em 24/12/18

Nota: Descrever o que Toni Morrison representa para a literatura é exercício do mais complexo. Afinal ela é dona de uma história de vida incrível. Multifacetada, tem em seu currículo um autêntico “acumulo de funções”, pois além de escritora (especializada em romances e ensaios) Toni atua como editora e professora universitária. Tamanha destreza na área
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – 4321
por Patricia
em 21/12/18

Nota: Paul Auster é um nome já reconhecido no meio literário. Sua “Trilogia de Nova York” já me foi recomendada incontáveis vezes. Apesar de ter comprado um exemplar, decidi começar minha aventura pelos escritos do autor com sua mais recente, e ambiciosa, obra: “4321”.  De fato, a palavra “ambiciosa” foi usada diversas vezes para descrever
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Terra Estranha
por Juliana Costa Cunha
em 20/12/18

Nota: Eu já posso dizer com muita tranquilidade que James Baldwin foi minha descoberta como autor em 2018. A autora foi a Aline Bei com seu incrível “O Peso do Pássaro Morto“. Aqui no Poderoso já resenhei “Quarto de Giovanni“, também do Baldwin, que me deixou igualmente encantada com sua escrita. Uma linguagem de fácil compreensão
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Coração Azedo
por Patricia
em 19/12/18

Nota: Imigração é um tema recorrente na literatura, mas nunca esteve tão em discussão do que nos últimos dois anos. Com o aumento de governos e bravatas nacionalistas pelo mundo, tem-se elevado o tom contra imigrantes de diversas nacionalidades. Hoje, nos Estados Unidos, os vilões da vez são os latinos. Na década de 80, a
Postado em: Resenhas
Tags: , ,