Semana De Cinema – Stargate
por Ragner
em 31/01/14

Nota:

stargatemovie

 

E vamos nessa sexta animada com uma ficção científica de respeito e que sempre me deixou profundamente interessado por “wormholes“, astronomia e ainda em arqueologia (passado e futuro quase sempre andam juntos em filmes e livros de ficção científica). Ok que eu era um moleque de 16 anos, querendo descobrir o mundo sem saber ao certo por onde começar, e como estava iniciando meus interesses filosóficos, questionamentos budistas e entendimentos universais, o filme era um dos meus favoritos.

Temos em Stargate questões como religião, física quântica, Egito antigo, mitologia e outros mundos. Muito do que caracteriza um filme com conceitos que podem transforma-lo em algo pesado, mas que acaba sendo um entretenimento fantásticamente bem elaborado e com um roteiro que agrada muito os amantes de filmes do gênero.

O filme começa quando uma estrutura desconhecida é encontrada em escavações no Egito e por anos foi mantida escondida. Já nos dias atuais, somos apresentados ao egiptologista Daniel Jackson (James Spader), palestrando em um simpósio, declarando descobertas que poderiam questionar o que sabemos sobre os faraós. Com interesse no que o cientista está discursando, uma senhora vai até ele e pede sua ajuda para descifrar hieroglifos desconhecidos. Com mais questões sendo descobertas e perguntas aparecendo, Daniel é levado a uma instalação militar. É revelado que a estrutura desconhecida é um portal estelar e a senhora, no caso, estava presente quando o Stargate foi encontrado.

movie01_0114

Depois de descifrar os códigos existentes no portal e entender que cada símbolo significa constelações, Daniel consegue estipular um ponto de origem e constatar que pode ser um Planeta, na galáxia Kalium. Após conseguir ligar o Stargate, uma equipe tática, comandada pelo coronel Jonathan O’Neil (Kurt Russell), acompanhada por Daniel, resolve entrar pelo portal. Do outro lado, depois de atravessarem um “buraco de minhoca”, chegam a um lugar muito parecido com nosso planeta, particularmente na região que poderia ser exatamente como o antigo Egito. Acabam encontrando um outro povo, que também idolatra “deuses” como os nossos da mitologia egípcia e descobrem também que tais “deuses” são na verdade alienígenas, que colonizam planetas utilizando os Stargates.

snapshot20090115045006qc5

Escrever sobre o filme já me dá aquela vontade de assistir novamente e ver como o James Spader e o Kurt Russell estavam bem mais novos e um bocado diferentes, é como fazer uma viagem ao passado. O filme se destacou tanto que logo em seguida houve séries produzidas em torno desse universo. Temos Stargate SG-1, Stargate Atlantis e Stargate Universe (que foi o que segui). Uma série animada chamada Stargate Infinity e mais dois filmes que foram lançados direto para DVD: Stargate – A Arca da Verdade e Stargate – Continuum. Parece que o diretor pensa em fazer um reboot, li no Omelete, fico no aguardo.

 

Postado em: Semana de Cinema
Tags:

2 Comentários em “Semana De Cinema – Stargate”


Avatar
Caio Borrillo em 03.01.2016 às 19:30 Responder

Lembrando que Stargate é plágio de um livro de um professor egípcio, que enviou um roteiro para a FOX alguns anos antes. Ele depois processou o estúdio e Roland Emmerich por causa disso.

Avatar
Ragner em 03.01.2016 às 19:42 Responder

Bom saber Caio. Muito obrigado pela informação. Eu sinceramente não sabia.


 

Comentar