Resenha – Detalhe final
por Ragner
em 26/06/19

Nota:

Harlan Coben se tornou um dos meus autores favoritos. Por meses acompanhei as histórias do protagonista Myron Bolitar e o autor já se tornou figurinha carimbada no Poderoso. Depois de dedicar minha leitura de suspense e literatura policial para outros escritores (entre eles o mestre Stephen King), decidi voltar a acompanhar as histórias que ainda me faltam desse carismático personagem.

Myron Bolitar é um ex atleta, jogador de basquete, que teve sua carreira finalizada antes mesmo de sua estreia na NBA (principal liga de basquete norte-americana) e se tornou um agente esportivo que nas horas vagas investiga casos ligados aos seus clientes. Já disse em outra resenha que “é possível ler cada livro em qualquer ordem sem uma necessária prévia de conhecer os outros que foram escritos anteriormente ou mesmo ligados diretamente” e isso permaneceu. Até aqui!

Em Detalhe final, Myron está longe de tudo e de todos, escondido em uma ilha deserta, ao lado de uma mulher que acabara de conhecer. Mas os problemas não param. Win (parceiro de investigações e sócio da MB Representações Esportivas) consegue encontrá-lo e chega com uma péssima notícia. Esperanza (amiga e também sócia da MB) é a principal suspeita na morte de Clu Haid, amigo e cliente, arremessador dos Yankees.

Alguns motivos geram a suspeita de que Esperanza seja a responsável pelo assassinato, além de indicarem que ela e Clu tiveram um caso. Clu é o típico atleta problemático, envolvido com escândalos relacionado a drogas e mulheres (Clu era casado). Myron assume mais uma investigação à parte (como de praxe) em que sua vida corre perigo (rotina). Mas dessa vez, Myron está abalado pelos acontecimentos do livro anterior e se questiona o quanto pode ficar parecido com Win (implacável e com um senso de moral questionável).

Nos livros da série Bolitar, há informações que versam bem sobre o passado e algumas peculiaridades dos personagens, alguns livros mais, outros menos e isso ajuda muito no entendimento de cada história. Mas já digo, depois de ter lido quase todos da “saga” com Myron, alguns tem como foco sua família, seus relacionamentos amorosos, seu círculo de amizade, sua promissora carreira que não foi adiante, e mesmo que seja possível ler cada livro de maneira independente, a história que vem depois ou aconteceu antes, pode te deixar deveras curioso por mais.

Nesse livro, saber sobre os fatos do livro anterior – Um passo em falso – fez falta, além de me antecipar o desenrolar da história antes dessa (spoiler pra mim). Dito isso, sua leitura pode ser melhor aproveitada se lida em sequência. E como minha experiência com o autor tende a evoluir com o tempo, mesmo carecendo do enredo anterior, minhas expectativas não foram totalmente preenchidas, por isso Detalhe final recebeu 4 canecas.

Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Nenhum comentário em “Resenha – Detalhe final”


 

Comentar