Resenha – O observador
por Juliana Costa Cunha
em 03/06/19

Nota:

Carla Dias escreve poesia, contos, crônicas e é também musicista. Toca bateria. Inclusive é diretora do festival Batuka! Brasil, que tem destaque mundial como um dos mais importantes do gênero, colaborando com a divulgação de bateristas e percussionistas do Brasil para o mundo. 

Em “O Observador” Carla nos apresenta 50 contos com temas que passam por memórias afetivas, empoderamento feminino, discussões sobre masculinidades, o cotidiano nas cidades grandes, começos e fins de relacionamentos, entre outros.

As histórias narradas denotam o perfil de observadora da própria autora. Tive a impressão o tempo todo de que ela senta em algum canto e fica literalmente observando a vida acontecer. Ou, nas suas rodas de amizades, no cotidiano do trabalho ou familiar, vai pinçando situações para seus textos. Eles são próximos, criam elos com quem os lê.

Carla possui canal no Youtube onde é possível acompanhar alguns de seus poemas e textos e, entre eles, alguns sobre os contos d’O Observador, como este vídeo com a leitura do conto “Ventania da Silvaum dos que mais gostei no livro. Nele conhecemos Ventania, menina que nasceu com os cabelos arrebitados e olhos arregalados. Que assustou o pai com esse nascimento tão efusivo e o fez ir embora (!!!). Ventania cresce e se torna uma mulher e professora que discute com a comunidade e seus alunos a importância do conhecimento e de não se deixar levar por preconceitos de outras pessoas. Ventania é aquela que grita e briga por seus direitos e pelo direito das pessoas a seu redor.

Os contos têm um tom bem confessional e as mínimas coisas despertam o interesse da autora. uma fita crepe no chão é mote para um dos contos, por exemplo. Há também humor e delicadeza. E sonoridade. Um olhar humano e atento para as emoções e para o meio social em que vivemos.

***

Livro enviado pela editora

Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Nenhum comentário em “Resenha – O observador”


 

Comentar