Resenha – As mais belas coisas do mundo
por Juliana Costa Cunha
em 16/09/19

Nota: Valter Hugo Mãe volta a ter resenha aqui no Poderoso. Já resenhamos O nosso reino e O apocalipse dos trabalhadores . Desta vez vamos falar sobre seu mais recente lançamento – As mais belas coisas do mundo. Lançado pela Biblioteca Azul numa edição super caprichada com capa dura, folhas com gramatura mais densa, diversas
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Uma mulher no escuro
por Ragner
em 11/09/19

Nota: Raphael Montes já é um dos meus autores favoritos. É um escritor que consegue me prender em suas histórias da mesma maneira que Harlan Coben (gênero policial) e que escreve com uma pitada de Stephen King (gênero terror). Montes já é consagrado dentro do thriller nacional e seu último lançamento corrobora ainda mais para
Postado em: Resenhas
Tags: , , ,

Resenha – A depressão tem sete andares e um elevador
por Juliana Costa Cunha
em 09/09/19

Nota: Um livro escrito na vertical. Diagramação e desenhos (feitos pela própria autora) pensados também na vertical, para que ao lermos, tenhamos a sensação da subida e da descida do elevador. A depressão tem sete andares e um elevador. Cabem dez de mim na plataforma. Doze, se nos espremermos, mas não é preciso. Aqui há
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – As mulheres devem chorar … Ou se unir contra a guerra
por Juliana Costa Cunha
em 04/09/19

Nota: éFe é a coleção de textos feministas lançada pela editora Autêntica. Virginia Woolf foi a escolhida para inaugurar esta coleção. Uma missão que me parece não ser de muito sacrifício para a autora sensacional que ela foi. Como não podia ser diferente tem outras resenhas sobre livros dela aqui no Poderoso. Neste livro de
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Revisitando – A metade sombria
por Patricia
em 02/09/19

Nota: “A metade sombria” já foi revisada pelo Ragner aqui no Poderoso. Retorno para falar do livro porque aqui sempre damos vozes a todas as opiniões (ou tentamos…rs). Aliás, tem bastante conteúdo sobre livros do Stephen King aqui no site porque temos uma real adoração pelo trabalho dele. Nesta obra, publicada originalmente em 1989, Thad
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – Querido Menino
por Bruno Lisboa
em 28/08/19

Nota: Falar sobre o universo das drogas nunca foi (ou será) tarefa das mais fáceis. Tanto na perspectiva do usuário, quanto na ótica daquele que luta para que um ente querido não tenha a sua vida consumida por ela. Mas David Sheff, jornalista norte-americano, assim o fez e transformou a sua trajetória pessoal num comovente
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Resenha – O mito da beleza
por Juliana Costa Cunha
em 26/08/19

Nota: Em 2018 a Editora Rosa dos Tempos lançou uma nova edição do livro O Mito da Beleza, da jornalista e escritora norte-americana Naomi Wolf, doutora em Literatura. A primeira edição do livro remete a 1991. Muitos anos se passaram e o livro, infelizmente, continua atual. Neste livro a autora nos apresenta seus argumentos sobre
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Netflix com o Poderoso – Privacidade hackeada
por Ragner
em 21/08/19

Nota: Netflix produz conteúdo excelente, dentre eles, alguns documentários que valem muito a pena (destaque para Democracia em vertigem, já resenhado aqui). Hoje deixo com vocês algumas observações sobre o filme Privacidade hackeada e como plataformas de redes sociais podem manipular o rumo eleitoral de alguns países. O documentário nos apresenta a Cambridge Analytica –
Postado em: Netflix
Tags: ,

Resenha – O rei das sombras
por Juliana Costa Cunha
em 19/08/19

Nota: Javier Cercas é um autor já consagrado no meio literário contemporâneo e um dos autores mais referenciados na literatura espanhola atual. Este foi meu primeiro contato com sua escrita. E foi possível para mim constatar sua potência narrativa, embora tenha me enfadado em muitas passagens. Em O Rei das sombras o autor aborda um de seus
Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Dica de série – Big Little Lies (2ª temporada)
por Bruno Lisboa
em 14/08/19

Nota: Pequenas grandes mentiras (Big Little Lies) acabou sua segunda temporada e é interessante ver como a mesma difere em elementos estruturais do roteiro, mas ainda assim se mantém em alto nível. Se a primeira (já resenhada por aqui) apostava na multiplicidade de temas (bullying infantil, feminismo, o papel da mulher na sociedade moderna e
Postado em: Dica de série
Tags: