Participação Especial – Turma da Mônica Laços
por Poderoso
em 08/10/13

turma-da-monica-lacos-nova-graphic-novel-da-turma-da-monica-com-roteiro-de-vitor-cafaggi-e-ilustrada-por-lu-cafaggi-1365714058948_635x960 Por Thiago Jose Tuna Franco

Laços é o segundo quadrinho do projeto Graphic MSP, com releituras da Turma da Mônica em formato de graphic novel. O projeto MSP começou com uma coletâneas de histórias curtas, seguida por “Magnetar”, um quadrinho completo do personagem Astronauta, feita por Danilo Beyruth.

Este segundo projeto de HQ é dedicado ao carro chefe de Maurício de Souza, a Turma da Mônica, feito pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi, de Belo Horizonte. Vitor, mais conhecido que sua irmã, é o criador das tirinhas Puny Parker  (histórias sobre um jovem Peter Parker) e Valente, um cãozinho que vive desventuras jovens, reais e bem humanas.

Antes de mais nada, vale aqui ressaltar o óbvio, Maurício é gênio, você pode até dizer que é exagero meu dizer isso, mas de uma forma ou de outra ele esteve ou está presente na vida de diversos brasileiros, é difícil achar alguém que não conheça, ou conheça e não goste de sua obra. No Brasil isso é uma proeza incrível, ainda mais somada ao fato de ganhar dinheiro de verdade com seus personagens.

Laços traz, o elenco principal, Cebolinha, Mônica, Cascão e Magali em uma busca. Floquinho, o cão do Cebolinha está perdido e nosso grupo de aventureiros se unem para o encontrar. Como nessa hora não lembrar de filmes como “Os Goonies” ou “Conta comigo?”. È uma agradável volta aos anos 80, principalmente para aqueles, que assim como eu, viveram sua infância nessa década bizarra. Além do mais que criança não teve um cãozinho que um dia se perdeu? Essa história me levou direto para o lado do cocker spaniel chamado Ralf, que eu tive lá pelos meus sete anos. Uma das coisas mais bonitas e legais que podem existir é a relação de uma criança com seu animal de estimação, é o aprender a arte da amizade, mas amizade de verdade, o cuidar, estar com, se preocupar, sentir falta, partilhar e amar.

Além do mais é sempre legal ler personagens que você conhece por uma vida, desenhados e roteirizados por outra pessoa que não seu criador, e os irmãos Cafaggi fizeram isso com o respeito e ousadia na dose certa.

Vale aqui dizer que não é uma história cheia de surpresas e com um número significativos de clichês, mas e daí? O que importa é se ela envolve ou não o leitor, eu com certeza me envolvi com a história, não apenas pela história mas também pelos desenhos, tão bonitos como as emoções que eles me trouxeram.

Postado em: Participação Especial
Tags: , , , ,

Nenhum comentário em “Participação Especial – Turma da Mônica Laços”


 

Comentar