Resenha de Quadrinhos – Joana D’Arc
por Ragner
em 20/02/13

Nota:

images

 

Eis uma história que já virou filme algumas vezes e que conta de forma romanceada, a vida de uma jovem garota que se transformou em santa. Sim, Santa. Pela igreja foi canonizada anos depois de sua morte. Uma morte horrenda e dramáticamente desumana.

Muita gente deve ter conhecimento da vida de Joana D’Arc. Muitos devem tê-la como um exemplo de fé e virtude. Muitos ainda podem vislumbrar as atitudes da donzela de Orleans como atos divinos ou mesmo como atos de bruxaria. Sua condenação se perfaz em base dessa ideia, de que ela estava sendo conduzida pelo mal e que era possuída pelo demônio.

A HQ começa com a narrativa de uma pessoa próxima à ela. Luis de Conte, já com seus 82 anos, vai nos envolvendo com tudo o que acontece na vida de Joana, desde quando era apenas uma criança humilde, alegre e inocente, passando pela adolescência e juventude quando vai descobrindo e aceitando seu designo para defender e libertar a França do domínio inglês, até sua morte sendo queimada pela igreja.

Somos apresentados aos momentos mais importantes na vida da jovem que acreditou em um destino como libertadora de um povo subjugado e não se deteve por nada até que finalizasse sua missão. A transformação por qual ela passa, de uma garota pacata e modesta na aldeia de Domrémy até a salvadora do povo francês, Luis conta tudo o que sucede. Sua infância de menina justa, amável e decidida, passando por situações em que foi ridicularizada, até ser traída e ter sua vida condenada à foqueira pelos poderosos sedentos por poder e aqueles que se sentiram incomodados pelas conquistas de uma simples garota. Mas Joana D’Arc não se detinha por nada, não duvidou de sua missão e mesmo sendo hostilizada ou menosprezada, ela continuava firme e seguiu até o fim.

Essa Graphic Novel possui um trabalho bem interessante, pois além de retratar de forma bem legal uma história real, ela ainda nos trás informações que explica o contexto de tudo que vai acontecendo. A Guerra dos cem anos é de certa forma explicada, dados históricos são um pouco analisados e até mesmo conteúdos sobre livros, sites e filmes são disponibilizados no final desse volume. Acredito que possa até mesmo ser utilizada como uma integrante interessante para o ensino de história sobre o assunto.

E coleção de HQs que a editora Farol trabalha muito bem a passagem de literatura para quadrinhos. Já li outros volumes e indico todos àqueles que gostam de ilustrações e de uma boa narrativa. Vale a pena.

Postado em: Quadrinhos
Tags: , , , , ,

Nenhum comentário em “Resenha de Quadrinhos – Joana D’Arc”


 

Comentar