Resenha de Quadrinhos – Penadinho VIDA
por Thiago
em 01/07/15

Nota:

penadinho 1

Creio que já notaram o quanto estou gostando dos quadrinhos revisitados da Turma da Mônica, resenhei quase todos aqui. O último deles é “Vida”, sobre o Penadinho.

penadinho 6

Se você é muito jovem ou simplesmente não é muito ligado ao universo do Maurício de Souza, vai uma breve apresentação. Penadinho é o personagem principal da área sobrenatural, meio terror, meio “terrir” da turma da Mônica. Essa galera, que não é de dar sustos, é composta ainda por Zé Vampir, Lobi, Muminho, Cranicola, Alminha e Frank.

penadinho 5

Quando fiquei sabendo que essa edição seria feita pelo casal Paulo Crumbim e Cristina Eiko fiquei bem empolgado, afinal “Quadrinhos a 2” (que já resenhei aqui) é muito legal. Além disso a forma mais fofa e com grande influência dos mangás combina muito com a proposta de um “terrir”. Segunda vez que uso essa palavra e talvez você não conheça. “Terrir” é aquele terror com uma grande veia cômica, pode mesmo assim ser meio assutador, mas aqui é fofinho, afinal o público alvo do Maurício de Souza sempre foi o infantil. O bacana é como essa magia pueril foi mantida nessa versão.

penadinho 2

Essa foi a edição que mais me emocionou de todas as revistas da MSP, ando meio sentimental esses dias. Te desafio a não se emocionar.

Se pudesse resumir em uma imagem a história seria com essa aqui:

how

Pra quem não sabe o diálogo acima é uma cena de uma das minhas séries preferidas, How i meet your mother. Nela os amigos e rolo, Ted e Robin, resumem a vida do Penadinho (e meio que a mi…). Timing is a bitch.

Essa é uma revista sobre seguir seu caminho, mas também é uma história de amor, coragem e frindzone.

Um breve resumo da história:  Alminha irá reencarnar, Penadinho nunca teve coragem de dizer que ela é seu grande amor pós vida. Tenta resolver essa situação mas, pra fazer a coisa mais interessante a fantasminha sumiu e precisa ser encontrada até o amanhecer, quando a Dona Cegonha a levará para sua nova vida.

Olha o “timing” complicando tudo. Em seus 30 anos de morte Penadinho enrola pra se declarar pra Alminha, assumir e compreender aquilo que sentimos não é uma tarefa nada fácil, muitas vezes preferimos nos enganar e quando percebemos o tempo passou. A vida, ou pós vida, sei lá, passa muito rápido e exige crescimento. O bonito dessa história é isso, movido pelo amor, acompanhamos nosso herói espectral lutando contra seus medos em um processo árduo de autoconhecimento.

penadinho 4

 

Além disso, o amor representado aqui não é apenas “eros”, mas também a amizade. Uma empreitada sem amigos é muito mais difícil, mas desse problema Penadinho não sofre. Seus amigos são os melhores e o acompanham no enfrentamento de todos os vilões, sejam os internos ou externos.

penadinho 3

Falando em vilões, os daqui estão fantásticos. Dão o tom certo da comédia e, por mais que não sejam o foco, os detalhes os tornam profundos e interessantes, talvez mais interessantes que os mocinhos.

Além da história super bacana e de chorar, as ilustrações conseguem compor a história e dar detalhes que os olhares atentos dos leitores vão gostar muito. As páginas são muito bonitas, o colorido, tudo.

Boa leitura e timing a todos!!

Postado em: Quadrinhos
Tags: , , ,

Nenhum comentário em “Resenha de Quadrinhos – Penadinho VIDA”


 

Comentar