Resenha – Como eu era antes de você
por Patricia
em 16/02/15

Nota:

Unknown

Li meu primeiro Jojo Moyes sem grandes expectativas. Normalmente, quando um livro é muito adorado na blogosfera literária, minha primeira reação é sempre deixar o burburinho passar. Acho que, muitas vezes, acabamos caindo no conto de comprar e ler livros que não nos interessariam se todo mundo não estivesse falando sobre ele. Mas isso também não quer dizer que eu não fique curiosa para saber mais sobre determinada obra (a única obra que não conseguiu despertar isso em mim foi 50 tons de cinza).

“Como eu era antes de você” vai contar a história de Louisa Clark, uma jovem inglesa que trabalha como garçonete para ajudar na renda familiar que não é grande coisa. Não estudou e nem pretende sair de sua pequena cidade turística. Porém, ela é obrigada a se mexer quando o Café onde trabalha fecha as portas e consegue um emprego como cuidadora de um rapaz que sofreu um terrível acidente e hoje é tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos e não tem movimento nenhum do peito para baixo, sente dores o tempo todo e tem uma personalidade um tanto quanto difícil.

Louisa passar a trabalhar para a rica família Traynor como cuidadora de Will.

Aqui é onde começo a pensar o quanto mais posso resumir o livro sem entregar alguns pontos-chave. Prossiga daqui em diante com cuidado.

O que não falta nesse livro é trauma. Tanto os pais de Will lidam com o trauma de terem perdido o filho (porque Will virou uma pessoa completamente diferente depois do acidente); como Louisa tentando lidar com um acontecimento de seu passado que deixou cicatrizes mais profundas do que ela imaginava afetando diretamente sua vontade de viver e experimentar mais como qualquer jovem de 20 e poucos anos. Will, por sua vez, tem o trauma mais óbvio, mas há camadas de tristeza aqui que vão se revelando aos poucos.

Todos os personagens do livro são bem construídos. Moyes consegue, além de tudo, criar uma evolução muito plausível para cada um deles. Não há um momento no livro em que algo não parece factível. Até mesmo a decisão de Will é bem justificada e, por mais que o leitor não concorde à princípio, a autora nos guia pelo emarenhado da decisão de forma sincera e consegue ajudar-nos a encontrar aquele músculo de compaixão tão pouco exercitado, às vezes. (Para quem se interessa pelo tema sugiro o filme espanhol Mar Adentro).

Toda a história é narrada por Louisa com exceção de 3 capítulos em que personagens secundários assumem o ponto de vista. Essa foi uma decisão que não compreendi. Foram capítulos que não acrescentaram muito ao enredo principal já que tratavam de questões fáceis do leitor entender nas entrelinhas. A narração acabou um pouco quebrada por causa desses capítulos.

A história tem seus clichês e seus caminhos já esperados e acho que justamente por isso, não fiquei surpresa pelo rumo tomado (de algumas coisas, pelo menos) e já imaginava o desfecho nos primeiros capítulos. Isso tirou um pouco da força no enredo para mim.

De qualquer forma, a leitura deu conta do recado e serviu ao propósito de espairecer a cabeça. Li o livro em poucos dias e gostei da escrita da autora. Não vai entrar na lista de melhor livro do ano, mas eu leria mais Jojo a qualquer momento.

Postado em: Resenhas
Tags: , ,

4 Comentários em “Resenha – Como eu era antes de você”


Avatar
Eve em 06.03.2015 às 15:29 Responder

Olá Patricia!

Dos três livros lançados no Brasil da Jojo, acredito que este seja o mais comentado e famoso. Curiosamente foi o ultimo livro que li, acreditando deixar o melhor para o final. Porém me enganei.

Apesar do livro ser bom e cativante, não foi uma leitura que me encantou. Já A Garota que Você Deixou pra Trás e A Ultima Carta de Amor foram dois livros que achei extremamente apaixonante! A narrativa é mais emocionante e apesar do tema não ser tão pesado como neste, as histórias são muito mais lindas e profundas.

Avatar
Patricia em 06.03.2015 às 15:33 Responder

Interessante. Vc é a segunda pessoa que me fala que os outros livros dela são melhores. Acho que vou ter que me jogar, não tem jeito. hahahaha
Eu gostei de como ela escreve, então acho que vale a pena checar os demais. 🙂
Vou tentar pegar um desses o quanto antes.
😉

Avatar
sabrina em 29.06.2017 às 10:26 Responder

quero um resumo pequeno
mais adorei o livro

Avatar
Patricia em 05.07.2017 às 08:13 Responder

Resumo e resenha não são a mesma coisa. 🙂 Como diz no título, isso é uma resenha, mas um resumo talvez seja mais fácil de achar na internet. Muitas vezes, no site da própria editora eles colocam um resumo breve que ajuda a entender melhor o enredo. Obrigada pela visita!


 

Comentar