Resenha De Quadrinhos – Batman 1 – A Queda Do Morcego
por Ragner
em 21/10/14

Nota:

BMNQM2-213

 

Quando acontece de seu herói favorito passar por uma temporada de grande repercussão nos quadrinhos, você fica com aquela vontade de acompanhar todos os nºs que contam a história. Tal desenvolvimento pode muitas vezes interligar com outros gibis e você acaba precisando comprar quadrinhos de outros heróis ou mesmo nºs especiais. No caso específico do Batman, isso aconteceu na década de 90, quando ele foi literalmente quebrado, por um inimigo novo, desconhecido até então e que precisou de uma revista separada para ser apresentado e que já foi resenhada aqui. Após conhecermos Bane, entendermos suas motivações e vício pela vontade de destruir o morcegão, fomos seguindo uma fase do Cavaleiro Das Trevas que ninguém tinha imaginado até então e posso dizer que li tudo com bastante curiosidade e não perdia nenhum nº.

Com o Batman já sofrendo de estafa física, cansaço mental e desânimo heróico, Bane foi introduzido em seu universo exatamente para destruí-lo. Maquiavélicamente e engenhosamente, o mascarado cheio de veneno (a droga que lhe aumentava a força) foi construindo um cenário que minava cada vez mais as energias do herói e que o levaria para um confronto certeiramente desproporcional. Após semanas afligindo todo tipo de penalidade sobre o corpo e a mente do Morcego, Bane observa de perto como seu plano para quebra-lo vai se desenrolando e tomando forma. E depois de alguns gibis contando como cada batalha machucava o Batman e judiava seu espírito, foi lançado Batman 1, que iniciaria uma das sagas mais fantásticas do herói de Gotham.

 

banewinso3_A_Queda_do_Morcego_Mestre_Ryu

 

Batman 1 é grande, muitas histórias são contadas aqui, vários inimigos são enfrentados e tudo é deveras bem trabalhado, tudo ao seu tempo, seguindo uma linha temporal que exalta o caminho tortuoso e vertiginoso da derrota de Batman frente à Bane. E tudo se inicia, aqui, após uma fuga em massa do Arkham, claro que orquestrada pelo novo inimigo e que, pacientemente, aguarda todos os possíveis confrontos acontecerem e só se mostra quando o abismo parece ser a única alternativa.

Nesse volume aparecem quase todos os inimigos do Batman, entre os mais conhecidos e os menos, todos são bem trabalhados, com participações interessantes e até fundamentais para o entendimento do declínio e queda sem precedentes do herói. E o que é mais interessante, seguindo minunciosamente o plano orquestrado pelo Bane, que já vinha observando e analisando todos os pontos fortes e fracos do Morcego e de Bruce Wayne.

Esse gibi é tipo peça fundamental na coleção de qualquer fã do Batman e que merece todo o respeito de também ser bem cuidada, pois acredito piamente que será lembrada por anos e décadas. Há a contribuição de vários artistas, desde os argumentos e desenhos e digo isso com propriedade, pois sou mega fã de muitos deles e já gostava muito deles antes mesmo desse volume. A década de 90 trouxe uma revolução enorme nos quadrinhos da DC, principalmente para dois de seus maiores heróis, pois junto a essa fase do Batman, ocorreu também a Morte do Supe-Homem. E agora estamos passando por uma renovação que pode elevar mais ainda o patamar desse universo, já que o cinema tem ganhado muito com adaptações dos quadrinhos e tanto o Morcegão, quanto o Azulão, irão se encontrar em breve. Ansioso demais por isso.

Postado em: Quadrinhos
Tags: , ,

Nenhum comentário em “Resenha De Quadrinhos – Batman 1 – A Queda Do Morcego”


 

Comentar