Resenha – De quem é esta história?
por Bruno Lisboa
em 14/12/20

Nota:

Rebecca Solnit é umas das escritoras mais relevantes dos nossos tempos, mas tal alcunha não vem de hoje. Afinal, desde os anos 90 ele vem escrevendo de maneira prolífica e pontual sobre os mais diversos assuntos de cunho político/social. Sua luta e militância tem lhe aberto portas e promovido debates que relativizam o mundo ao nosso redor. E sempre o faz de maneira didática, pontual e voraz.

Por aqui no Poderoso já havia falado do essencial A mãe de todos as perguntas (Companhia das Letras, 2017), obra esta em que Solnit problematiza a luta feminista contemporânea e os seus desdobramentos na sociedade. E como este é um assunto dos mais relevantes na atualidade, era natural (e porque não dizer esperado) que a militante seguisse nesta toada.

Lançado no mercado brasileiro em 2020 em De quem é esta história? a autora faz de sua mais nova obra uma continuidade natural do livro anterior já citado, mas isto (nem de longe) pode ser visto como um demérito. Afinal, o movimento feminista tem alcançado nos últimos anos, cada vez mais, espaço. E isto faz com que muitas das lutas travadas ou silenciada por décadas tenham conquistado / redesenhado um novo cenário.

Ao longo de 20 ensaios, a sociedade norte-americana novamente é utilizada como base de sua análise e a partir daí Solnit demonstra a importância da militância ante uma sociedade patriarcal e opressora. E por mais que a autora não ofereça ou tenha repostas prontas para suas reflexões, as mesmas trazem em si questões urgentes a serem observadas de perto.

Sem temer represálias da ala dos descontentes retrógados, a autora fala sobre temas que ganharam espaço midiático como as eleições norte-americanas (e a malfada era Trump), o movimento #metoo (que trouxe para o debate questões ligadas ao assédio sexual e a cultura do estupro), a objetificação da mulher, e a busca pela equidade racial são citados como alguns exemplos de manifestações político / sociais que tem conseguido suscitar discussões importantes.

Em tempos onde o silenciamento das minorias vem retrocedendo gradualmente, livros como De quem é esta história? são claros exemplos de que reside na militância e na organização social a construção de uma nova aurora.

****

O livro foi enviado pela editora.

Postado em: Resenhas
Tags: , , , ,

Nenhum comentário em “Resenha – De quem é esta história?”


 

Comentar