Resenha – Depois
por Ragner
em 10/12/21

Nota:

O que será que vem depois da morte? Será possível ter certeza de que algo exista depois ou que os mortos possam existir entre os vivos? O mestre Stephen King trabalha, um pouco, com essa temática nesse novo livro. E o que é mais incrível, como os mortos podem compartilhar informações e esclarecer acontecimentos que só eles possuem as respostas. Ali pelo começo somos apenas apresentados aos personagens e a uma característica peculiar do protagonista ainda criança – James – que é a de poder ver e conversar com os mortos. Mas com o decorrer das páginas tudo vai crescendo e tomando maiores contornos e proporções.

A história é narrada por James, já adulto, e conta como tal capacidade esteve presente durante sua infância, principalmente quando sua mãe precisou para reacender o sucesso de sua editora e a companheira dela, a detetive Liz, para poder solucionar um crime. Como estamos em um livro do mestre King, solucionar um crime, ainda mais com características sobrenaturais envolvidas, consequências já são esperadas e pode ter certeza de que são perturbadoras.

James, quando, criança aprendeu que os mortos não mentem e que depois de uma última interação, ou resolução de algo deixado para trás, esses desaparecem de vez. E ele ainda acreditava que os mortos não pudessem fazer mal aos vivos ou mesmo ter contato próximo ou físico. Depois de conseguir ajudar Liz a resolver um caso de terrorismo e salvar milhares de pessoas de uma explosão que ainda viria acontecer, dias depois da captura e execução do terrorista, James ainda via o terrorista morto, com o rosto deformado, atingido por uma bala, com um olho saltado para fora e com um baita buraco atrás da cabeça. Pelo visto ainda havia mais coisas para acontecer. E a partir daí fica a dica para ler, não darei spoiler.

Depois é um livro que junta bem momentos sobrenaturais (típico do autor), com situações de terror e suspense (típico do autor), mais ainda com um enredo policial (que o autor já trabalha bem desde Mr Mercedes). É um livro curto, daria de fato para ler em uma tarde, acompanhado de um delicioso café e um bolo de cenoura com cobertura de chocolate, quem sabe em uma tarde chuvosa, mas li aos poucos, saboreando a narrativa de James e já querendo que o personagem possa retornar, com mais histórias. Sinceramente acho que seria interessante conhecer mais sobre os segredos dos mortos.

****

O livro foi enviado pela editora.

Postado em: Resenhas
Tags: , ,

Nenhum comentário em “Resenha – Depois”


 

Comentar