Semana de Cinema – O Curioso Caso de Benjamin Button
por Poderoso
em 26/07/13

Nota:

ButtonPoster

O Curioso Caso de Benjamin Button é um longa-metragem totalmente adaptado ao livro de mesmo título, escrito por F. Scott Fitzgerald. Logo em que coloquei as mãos no DVD deste filme me senti totalmente ávido para assisti-lo, visto que o livro inspirado no mesmo é simplesmente sensacional.

E não foi à toa que o longa ganhou três Prêmios da Academia (Efeitos Visuais, Direção de Arte e Maquiagem) e seis indicações ao Globo de Ouro: desde a primeira cena ao seu último ato, o filme prende o espectador de modo que não se consegue pensar em mais nada além do que se vê na tela!

A história conta a trajetória de vida do personagem principal, Benjamin Button (Brad Pitt), nascido com uma doença raríssima e degenerativa. Desde os primeiros minutos de sua existência, Benjamin sofre com os efeitos colaterais produzidos por sua patologia: sua saúde, bem como seu aspecto físico e psicológico, lembram um indivíduo beirando os noventa anos e condenado ao destino pregado pela morte. Uma situação totalmente oposta a de um recém-nascido saudável.

Com a morte da mãe de Benjamin logo após o parto coube ao seu pai,  Thomas Button (Jason Flemyng), a responsabilidade de cuidar da criança. Entretanto, seu genitor decide deixá-lo na escada de um asilo diante da clara anormalidade que seu filho demonstrava ter. Com isso, Benjamin acaba sendo criado pela dona do asilo aonde foi abandonado, recebendo todo o carinho, cuidado e amor possível para o seu desenvolvimento humano.

Os anos passam e Benjamin começa a sentir os efeitos de sua anomalia. A criança fraca, caquética, com osteoporose e outros problemas típicos das pessoas de Terceira Idade começa a ganhar força. Sentir-se, aos poucos mais jovem. Acredito que o personagem passa por um verdadeiro estado de anomia mental durante esse processo: enquanto ele vê as pessoas nos quais ele tinha convívio morrerem, ele vai ficando jovem, robusto, deixando de lado os problemas causados pela velhice oriunda de sua anomalia.

Com isso, chega um momento crucial no longa-metragem: Benjamin resolve sair de casa, buscando novos horizontes e experiências com o Mundo. Ele passa a conhecer coisas que ele não conhecia como o trabalho em um navio, uma paixão totalmente proibida e um amor que se tornaria a pessoa mais importante de sua vida. Ainda mais nas proporções em que ambos se cruzam: enquanto a moça fica mais velha, Benjamin fica mais jovem. Dois sentidos totalmente opostos vivendo uma sintonia ambígua de amor.

Um show de efeitos especiais, cenários totalmente surreais e um enredo fantástico. O Curioso Caso de Benjamin Button é um filme para ver, rever, derrubar algumas lágrimas e sentir-se mais vivo diante da belíssima mensagem transmitida pelo mesmo.

Estoure a pipoca e bom filme! 🙂

Postado em: Semana de Cinema
Tags:

Nenhum comentário em “Semana de Cinema – O Curioso Caso de Benjamin Button”


 

Comentar